Vídeos

O Amor Genuíno

Imagine uma mãe.

Seu filho está grande e pretende mudar-se para outro pais, muito distante. Ela, que a vida toda teve-o por perto, até o presente momento ao alcance dos seus cuidados, sente-se profundamente triste pela separação mas sabe que não pode impedi-lo de fazer aquilo que os filhos foram feitos para fazer: ir embora.

A questão é, ela o deixara de amar? Não, isto não vai acontecer. Apesar da saudade, dos dias sem um telefonema e dos anos que se passaram até que ele volte e visite-a, talvez por algumas semanas, para depois desaparecer por outros logos anos. Mesmo assim, ela o amara. Você se pergunta, “que tipo de amor é esse?”

Este é o amor genuíno. Continuar lendo O Amor Genuíno